Comemorando a semana do dia das crianças a autora lançará seu livro na feira ecológica (FAE) que também contará com intervenções poéticas e brincantes durante toda a manhã.   

“Sou carregada de crianças em meus galhos. Isso é tudo que sei.” Com muita sensibilidade e olhar atento às crianças nesse tempo que se avizinha e que parece andar na direção contrária, a escritora, pedagoga, poeta de infâncias, ambientalista e especialista em Educação Popular e Movimentos Sociais Fernanda Poletto apresenta seu livro, Nóstureza. Nele, utiliza da linguagem poética para acessar as infâncias dentro de cada adulto. “Quero, através da poesia, encontrar caminhos para que possamos compreender melhor as crianças, a nós mesmos e a natureza existente no ambiente e, também, dentro de nós”, ressalta Fernanda. 

O livro de poemas reflete sobre o entrelaçamento de temas educacionais, sociais e ambientais, de forma brincante e com ilustrações em aquarela da artista Luda Lima. A autora conta que criou a palavra NÓSTUREZA por sua inquietação linguística em nomear em uma só palavra nossa conexão profunda com a natureza. Seu trabalho reflete a ideia de uma revolução na infância, através do respeito ao tempo das aprendizagens, observação dos ritmos da natureza e da criança. A ideia do livro é brincar com a palavra, chamando os adultos a olharem para suas infâncias e se relacionarem de outra maneira com as crianças. Nóstureza é um convite à parceria do mundo adulto com sua própria natureza criativa e traz um cunho político que busca fortalecer a identidade dos educadores, em especial professoras, mães e pais, valorizando a educação e o ato de brincar como parte importante da construção do sujeito. A autora, na apresentação do livro, destaca que “escreve para as infâncias dos adultos” e nos convoca para que “voltemos a enxergar a grandeza das coisas miúdas e rotineiras”. 

“A ideia para o lançamento na fae é levar um pouco do livro através de intervenções poéticas e brincantes no intuito de resgatar brincadeiras e memórias de infâncias dos adultos que circulam na feira. As crianças estarão juntas, pulando amarelinha e sendo convidadas a colorir o chão urbano semeado, todos os sábados, há 32 anos, pelas agricultoras e agricultores da feira”. 

A Venda do livro e autógrafos: a partir das 8h e 30min até o final da feira (13h)
Onde: Banca do Meio (ao lado da nova praça de alimentação)
O Poeta Mario Pirata, conhecido amigo da cidade,  estará divulgando seus livros também na banca do evento.  

A Mandala Lunar, junto com a ONG Themis e a Mútua estarão nesse mesmo dia realizando uma ação importante de arrecadação de alimentos agroecológicos para Promotoras Legais Populares que lutam contra feminicídio e a favor do respeito às mulheres.

Venha poetizar sua criança!

É urgente.

Fernanda Poletto trabalha desde 2006 implementando projetos pedagógicos com o tema natureza e criança no cotidiano das escolas. Nesta nova etapa que se inicia em sua vida, quando se lança como escritora, celebra seu primeiro livro, que ganhou prefácio da reconhecida educadora Lydia Hortélio e posfácio do poeta Mario Pirata. Os livros estarão à venda durante a feira, na banca do meio,  e e-commerce próprio no site da autora: www.nostureza.com.br, além de outros mimos como monóculos, pôster, canecas e ecobags com frases da escritora como: “Você já brincou hoje?”, “Falar de infância é criar uma floresta no peito”, “Brincar é bom”.  

O livro foi realizado por meio de financiamento coletivo. Todos os apoiadores que participaram da campanha poderão retirar suas recompensas no dia do lançamento. A curadoria e concepção dos poemas foi realizada pela própria autora, o design editorial é assinado por Rafael Sarmento (Prana Design e Cultura) e com ilustrações da artista visual brasiliense, Luda Lima. O vídeo de apresentação do projeto foi gravado e editado por Jefferson Pinheiro (Coletivo Catarse). O financiamento coletivo foi orientado pela produtora cultural Cristiane Cubas que realizou também a produção do projeto. 

Ficha técnica:
Autora: Fernanda Poletto
Ilustrações: Luda Lima
Direção de arte, lettering e diagramação: Rafael Sarmento
Prefácio: Lydia Hortélio
Posfácio: Mario Pirata
Produção: Cristiane Cubas
Assessoria de imprensa: Bebê Baumgarten

 

Deixe um comentário